Pixel do Facebook

Pixel do Facebook: 7 Dicas para Otimizar Seus Anúncios

O que você verá nesse artigo

Todas as empresas que anunciam no Facebook e no Instagram procuram (ou deveriam procurar) sempre ter o maior número de dados para poder fazer sempre as melhores ofertas para o melhor público possível.

E para te ajudar com uma tarefa que nem sempre é fácil, o Facebook possui uma ferramenta muito interessante: o Pixel do Facebook. Com essa ferramenta instalada você consegue gerar inúmeras informações sobre o comportamento do seu cliente ou futuro cliente e, a partir daí, tomar decisões para que os seus anúncios sejam cada vez melhores.

Por isso, neste artigo, vamos falar muito sobre o pixel do Facebook e como ele impacta diretamente sobre as suas campanhas de anúncios e vendas. Ao final, deixaremos algumas dicas para você utilizá-lo da melhor maneira.

Veja algumas perguntas que responderemos:

  • O que é o Pixel de Acompanhamento do Facebook?
  • Como usar o Pixel do Facebook?
  • Como instalar o pixel do Facebook?

Vamos lá?

O que é o Pixel do Facebook?

O pixel é um código que você instala no seu site que “acompanha” os passos dos usuários no seu site.

Com o pixel corretamente instalado, você consegue coletar diversas informações para otimizar os seus próximos anúncios e para entender melhor como as pessoas se comportam no seu site.

Por todo o potencial de gerar dados e vendas, é uma ferramenta que é usada por negócios de quase todos os tipos. 

Como instalar o Pixel do Facebook?

Para instalar o pixel, siga os passos abaixo:

  1. Acesse o gerenciador de eventos, que fica dentro do seu gerenciador de negócios, pelo link: https://www.facebook.com/events_manager2
  2. No botão ao lado esquerdo, clique no “+” verde, escrito “conectar fonte de dados”
  3. Clique em “web”. Após isso, escolha a opção do pixel
  4. Dê um nome que seja fácil de identificar
  5. Coloque a URL do seu site

Instalando o pixel do Facebook

Para instalar o pixel em seu site, existem 3 maneiras:

  • Se você entende um pouco sobre html e sabe mexer nos códigos do seu site, pode copiar e colar o código que será diretamente no site, inserindo no header, logo acima da tag </head>.
  • Você pode escolher um parceiro de integração do Facebook. São mais de 20 plataformas que possuem integração, incluindo algumas das mais usadas como WordPress, Shopify e Woocommerce.
  • Caso você tenha um responsável, basta enviar as instruções por email que ele saberá como implementar essas configurações.

Eventos no Pixel do Facebook

Com o pixel instalado, é possível configurar alguns eventos para serem contabilizados quando ocorrerem em seu site.

Esses eventos podem ser configurados manualmente ou com a ferramenta de configuração de eventos do Facebook. 

Com a ferramenta, você consegue monitorar eventos como:

  • Compras
  • Cadastros de trials
  • Inscrições e cadastros
  • Início no checkout
  • finalização do checkout
  • pesquisas no site
  • visualizações de páginas (pageviews)

Como Encontrar o Pixel do Facebook?

Sempre que quiser acessar o seu pixel do Facebook, basta acessar o Gerenciador de Eventos.


Dentro do painel, você tem acesso a 5 abas, que são:

  • Visão Geral
  • Eventos de Teste:
  • Diagnóstico
  • Configurações
  • SDK do Facebook

Dicas de Como Usar o Pixel do Facebook

Como falamos acima e, provavelmente, você já deve ter notado, o pixel é uma ferramenta que pode ajudar a melhorar as conversões da sua campanha e a  gerar mais leads e vendas.

Veja as dicas:

1. Faça Remarketing, mas Use Uma Oferta Realmente Boa

Quando falamos do pixel do Facebook e estratégias de uso para gerar resultados, uma das mais citadas é o uso do remarketing para quem visitou uma página ou produto do seu site. 

A ideia por dentro dessa estratégia é simples: as pessoas acessam uma página do site, e o pixel captura esses dados. Caso elas não comprem o produto ou entrem em contato, você pode usar o remarketing para anunciar para essas pessoas. É útil quando você tem visitantes que nem sempre estão no estágio de compra.

E é possível aprofundar ainda mais. Você não precisa anunciar para todas as pessoas que entraram no site. Você pode mostrar, por exemplo, para aqueles que passam um período x de tempo.

Agência de Instagram Marketing

E se você quer garantir a exclusão daquelas pessoas que clicam sem querer no Ad ou entram sem estarem tão engajadas, pode ser uma boa criar um delay para o disparo do pixel do Facebook.

Porém, se você quer que o seu remarketing seja realmente efetivo, é preciso pensar com cuidado no que você vai ofertar para essas pessoas. Caso não seja algo atrativo,

2. Segmente Sua Audiência pelo Comportamento

Com o pixel você terá à sua disposição muita informação para trabalhar a sua audiência e entregar anúncios melhores e mais assertivos.

Se você tem um site que oferece mais de um serviço ou uma loja virtual com vários produtos, não faz sentido direcionar todas as pessoas para a mesma página.

Quando uma pessoa visita, por exemplo, a página de uma bota em uma loja de calçados, é interessante que ela receba o remarketing segmentado para essa página em vez de cair na página inicial da loja. Ou receber uma oferta – como um cupom de desconto – de algo que ela não procurou no site.

Para isso, crie vários públicos dentro do seu pixel de acordo com o comportamento dos usuários em seu site. Suas campanhas de tráfego pago terão melhores resultados.

3. Use a Correspondência Avançada para Melhores Dados

O pixel tem um recurso muito legal que é a correspondência avançada. Ela facilita que o Facebook corresponda os visitantes do site com os perfis do Facebook.

Ao ativar essa função, o pixel vai se “conectar” com o Facebook para tentar linkar o público do seu site com os dados do Facebook.

Com a Correspondência avançada, é possível combinar mais informações do Facebook com o seu site.

4. Crie Públicos Semelhantes Com os Seus Dados

Os Lookalikes, ou públicos semelhantes usam dados para mirar nos usuários com comportamentos e características demográficas parecidas daqueles que estão acessando o seu site.

Integrar corretamente o pixel com os anúncios permite que você trace todo o funil de compras, da oferta à compra. E também descobrir os dispositivos usados pelos usuários, de forma que você pode medir quais trazem as melhores conversões.

5. Planeje sua Campanha de Marketing desde o Início

O pixel do Facebook pode ser implementado a qualquer momento que você desejar. Mas implementá-lo logo de início pode trazer alguns benefícios, uma vez que ele já vai capturar dados de pessoas que vão acessar o seu site. 

É possível, inclusive, usar o pixel para testar validação de público de um produto ou curso que você deseja alinhar

6. Use as URL’s para Determinar o Estágio de Compra

Não subestime o poder do rastreamento das visualizações de página do pixel do Facebook para descobrir a intenção de compra do público. 

Quando você tem a estrutura de URL certa em seu site, pode organizar facilmente seus funis de compra para uma melhor segmentação.

Por exemplo, se alguém passa bastante tempo lendo sobre políticas de devolução, é porque a consideração a pessoa está pronta para comprar, faltando apenas aquele “empurrãozinho”. 

Nesses casos, um remarketing com um cupom de desconto combinado com gatilho da escassez pode ser uma boa oferta.

7. Compare os cliques com os dados de tráfego

Depois que você ganha um clique no anúncio, ele nem sempre se transforma em uma visualização da sua página de destino. Se houver problemas com o carregamento do site, os visitantes podem sair antes mesmo de ver seu site.

Comparar os números de cliques com as visualizações de páginas pode ajudar a identificar um possível problema com um site lento. 

Uma boa taxa de cliques que se tornam visualizações de página é de +- 85%. Se você está acima disso, parabéns!

Caso queira ter mais resultados com os seus anúncios no Facebook e Instagram, fale com a gente. Nós podemos te ajudar!

Leia também

Compartilhe esse post ->

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe seu comentário abaixo

Receba em seu email

as melhores dicas de Marketing Digital para crescer seu negócio